A mentira e a sua descoberta

Não preciso de mentir para ser amiga de alguém;
Não preciso de mentir para agarrar um homem;
Não preciso de mentir para ter amigos:
Não preciso de mentir para chamar a atenção, mas sobretudo não preciso de mentir para ser alguém.



Devo confessar que sou ingénua demais por acreditar que neste mundo não há psicopatas como as que existem nas telenovelas, mas não sou burra ao ponto de acreditar que o tempo cura tudo, pois há coisas que marcam e essa a marca fica lá e não sai. Se há coisa que eu aprendi ao longo do tempo é que nem todos vão estar sempre ao nosso lado, por isso, devemos de ser sinceros para aguentar uma amizade ou um amor. Se temos necessidade de mentir, então esqueçam, só estão a iludir-se, 
Quem diz a verdade não merece castigo, mas ao que parece, são logo os primeiros a ser castigos. 
Não digo isto por mal, mas há coisas que não percebo e que quero perceber. Digam-me lá porque raio vamos mentir a um gajo dizendo "Olha estou grávida.", mas será que não percebem que ele vai descobrir que é mentira? ou melhor, que vocês estão doentes... A verdade vem sempre ao de cima. Ok, tudo bem, estão muito apaixonadas e tal, mas é preciso magoarem-se e magoarem a ele? Só vós prejudica, para não dizer que é um acto estúpido. 


Ah, desculpem eu sei que não tenho namorado, mas sei que a mentira tem perna curta e quando é descoberta então ai é uma festa





3 comentários:

Diana disse...

ola ja nao passava aqui ha um tempo. espero que esteja tudo bem.
tenho q dizer que acho que cada vez andas a dar mais importancia a pessoas sem qualquer tipo de importancia.
se nao merecem que penses nelas, pq continuas a falar delas? so lhes tas a continuar a ligar. desliga, da desprezo, ja pensaste q ela pode ler e rir-se? enquanto tu choras essa pessoa pode tar-se a rir.
esquece
ha muitas pessoas assim, vais encontrar tantas.
trabalho haquatro anos na mesma empresa e tnh duas colegas q eram grande amigas no inicio, agora so naose batem pq levaram as duas processos disciplinares.
esquece
estas a perder o teu tempo, atua vida.
pelo que percebi do blog tu tens outro tipo de problemas.
nao lhe des razao para continuar a rir-se enquanto tu sofres.
para de escrever, de lhes falar, desliga, qnt mais desprezo lhe deres melhor.
nao sei se estas smp a ve-las, mas se for o caso, nem te des ao trabalho de lhe mandar olhares. ignora, sabes o que faço a pessoas estupidas? costumo dizer-lhes smp bom dia e boa tarde, elas ficam tao confusas qe nao sabem se devem falar ou ignorar. esperimenta isso, vais ver q ainda vais dar boas gargalhadas.

desliga, desse tipo de pessoasvais encontrar em todo o mundo. acabam por crescer, espero que sim eu acho que sim.
ha muito mais para viver do q estar afalar delas. vive o momento, desabafa com quem é teu verdadeiro amigo e ri-te do q tens a rir, e ignora, ignorar é o pior castigo q pdoes dar. a verdade pode nunca vi de cima, mas tu ao menos vais ficar a saber q te afastaste a hora certa. as vezes esse tipo de pessoas tmb tem problemas, mas neste momento pensa em ti, so em ti. torna o teu blog simpatico como sempre foi. e nao lhe des razões para se rir. a serio, mostra quem es. se ignorares ficam sem razao para continuar a ser assim e finalmente começam a perceber q erraram (=

vou embora do trablho finalmente.
beijinho,

Diana.
Um dia destes passo-te o meu blog :3 pode ser?

TimTim disse...

sim, pode ser :)

Ana disse...

Nem sabes o que me fizeste lembrar...Há gente que não devia nem nascer.