Opinião da Tim - Os jovens de Hoje

Não tenho por hábito ver os programas da manhã. Cada vez que ligo a TV apanho sempre um parvo qualquer a dizer coisas que preferia que o meu inconsciente não decora-se - O tamanho do pénis é genético. - Mas hoje foi diferente.
Estava no sofá a tomar o pequeno-almoço, quando vejo no Você na Tv 2 jovens aos gritos - Oi? Tenho que por isto para trás. - Assim o fiz e perdi minutos a ver aquela espécie de feira televisiva. 
O "Dr." Quintino Aires disse que a geração de há 10/15 atrás sofreu várias transformações, mas que desconhece a razão para tal acontecimento. Ora eu digo-lhe, e olhe que não sou psicóloga, os reality shows vieram mostrar que todos nós podemos ser DIVAS! E sabe o que veio juntar-se à festa? As redes sociais. 
Verdade seja dita, o Youtube está cheio de jovens que pensam ter razão e que acham ser os donos do mundo, mas não o são. Os jovens de hoje testam tudo. E como podem ver no programa, um dos jovens anunciou no Facebook o seu suicídio. O que é que aconteceu? Ligaram para a polícia a denunciar o caso. O jovem o que queria era protagonismo, e não é que o teve? 
No caso do outro jovem - não decorei os nomes, e não estou para isso - ele usou as redes sociais para expor a sua bissexualidade, e que os jovens devem ter coragem de contar aos seus familiares, por muito que custe. 
Mas voltemos ao primeiro jovem. O paleio daquele rapaz deu-me cabo dos nervos. Ah tenho Facebook... Escrevo o que quero....Não estudo...Faço desafios parvos...Os meus pais não têm Facebook, não sabem das figuras que faço... Tenho 19 anos e quero ser actor. Vejam o vídeo e percebem logo que o rapaz não mede as consequências dos seus actos. Os jovens de hoje não medem as consequências e não têm medo de nada. São miúdos com as línguas afiadas. 
A televisão mostra aquilo que eles tanto sonham - Protagonismo, fama e dinheiro. - Há pessoas que sabem que os reality shows são a maior bimbise de sempre e riem-se com aquilo, mas há muita boa gente que acha que aquilo é um meio para alcançar a fama.


Esta geração é a geração mais preguiçosa, a mais infantil e a mais burra de sempre.  Ah não é bem assim - Não? A turma do meu irmão era uma das mais problemáticas da escola e mais das vezes iam todos para a direcção... Mas sabem uma coisa, estes miúdos filmaram as aulas, e sabem onde foram parar os vídeos? No Facebook! Eles pensam que, como o ano lectivo acabou não lhes acontece nada. Burros! Ia-me esquecendo - Um moço da turma do meu irmão chegou a morder os colegas - Isto é ser animal! Ah! Chegaram a levar cobras num Tupperware e mostraram à Dt.
Não vou falar das notas, mas as atitudes dos miúdos era 5 estrelas.


Outros exemplos: de certeza que conhecem a Diana Pereira e de certeza que se lembram daqueles miúdos a baterem no moço entre outros casos.

Mais das vezes, os professores já diziam - se não querem assistir à aula, podem ir embora - Sabem quantos ficavam? Meia dúzia. Os pais eram chamados e acham que iam lá? Não, a desculpa era a falta de tempo. 
Quando um dos colegas de turma do meu irmão ia para a rua havia palmas e gritos. Ora bem, se aplaudem é porque acham que é bonito. De bonito não tem nada. 
De certeza que se lembram de familiares dos concorrentes do Secret Story a aplaudir os filhos... depois de mostrarem imagens dos seus ricos filhos estarem a pinar forte e feio.

O "Dr." Quintino Aires diz que os pais devem ter mão nos filhos, e têm a sua razão. Acontece que há pais que não sabem educar. Basta 5 minutos e uma boa conversa para abrir os olhos ao seu educando. BASTA CONVERSAR!

Calma, cada um faz o que quer com a sua vida. No entanto, só acho que há limites. Pronto tenho dito!

P.s:. Caros amigos e amigas que querem ser pais - Arranjem tempo para os filhos e façam o favor de ter cuidado, não comprem os vossos filhos com brinquedos ou com as últimas tecnologias. 



16 comentários:

Chloe disse...

Concordo com cada palavra que disseste.. Não sei o que vai na cabeça dos miúdos de hoje em dia, mas a culpa não é só deles. A culpa é também dos pais.
Não me dei ao trabalho de ouvir/ver o que deu esta manhã no programa Você na Tv, mas vi alguns vídeos que me apareceram na cronologia do facebook e até eu tive vergonha do que assisti.

SARA SILVA disse...

oh meu deus, eu também vi esta cena! senti vergonha alheia, aqueles dois rapazes (sobretudo o que falou primeiro) são uma amostra da sua geração, na qual não deposito grande esperança. é um assunto que dá pano para mangas, só espero que quando eu tiver filhos a sociedade esteja diferente!

beijinhos *
➊➑ and a life

FME disse...

Concordo em pleno contigo. Tendo um irmão mais novo 10 anos, sou muito confrontada com o ridículo destas novas gerações. Pergunto-me muitas vezes se eles não conhecem o sentimento "vergonha alheia"

Susie disse...

Não mudava uma vírgula a este post! Até fico chocada com as atitudes de certos jovens de hoje em dia, e assusta serem tantos a ter este tipo de comportamentos.

Miguel Gouveia disse...

Então tens de o pôr contente :P

concordo, subscrevo, sublinho e assino por baixo. A verdade nua e crua. Finalmente alguém com a mesma opinião que eu!

NEW CITYBREAK POST: Lamego Castle | Workplace
InstagramFacebook Oficial PageMiguel Gouveia / Blog Pieces Of Me :D

Nicki C. disse...

Ando completamente afastada de televisão, e desconhecia o video da Diana, e tou chocada. Hoje em dia estas crianças fazem de tudo pela fama e dinheiro. Mas se calhar é a forma que arranjaram para chamar a atenção, já que não tem dos pais, como dizes, tentam de outras formas e de todo não são as mais correctas. Concordo contigo, não tem tempo para os filhos, então que não os tenham. Que vergonha de sociedade é esta ?!

Clair de Lune disse...

Sabes o que é que ainda consegue ser mais triste?? A própria comunicação social ainda promover esta gente idiota, sem cérebro, sem vergonha na cara convidando-os para programas de tv e afins e fazerem com que esta gente ainda se ache mais "estrela", "vedeta"... É muito triste !

Ana Nunes disse...

Que tristeza, mas realmente é um facto que também tenho observado já desde que andava no ensino básico. Sempre fui muito observadora e já nessa altura constatava que as pessoas do meu ano, estando eu no nono ano, nada tinham a ver com pessoas que anteriormente eu observava no nono ano. Eramos muito mais imaturos e acredito que isso se deve em grande parte à forma como somos educados e ao meio social onde estamos inseridos, desde o que vemos, o que lemos e a forma como lidam connosco. Hoje em dia muitos pais não têm tempo para os filhos e só para não os ouvirem dão tudo o que eles querem e que os próprios pais muitas vezes não puderam ter, em vez de se preocuparem mais com o "ser" dos filhos. Porque muitos têm mais que tempo para falarem mas preferem deixar os filhos andarem e quando se apercebem da educação que deram e que gerou o que gerou, é tarde demais para querer remediar a personalidade dos filhos.

Diário da Chris disse...

Exactamente.. concordo com tudo..
Como já disse acho que se deve falar sim destes casos, mas não de forma a dar-lhe ainda mais fama, como foi o caso do Você na TV..
Tenho pena que não se enalteça mais os jovens com boas iniciativas e que só se dê protagonismo àquilo que se viu.. enfim.. :/

Claudia Pereira disse...

Realmente a sociedade está muito diferente. A começar pelo facto de os jovens começarem a trabalhar mais tarde. Consequência: maturidade também só mais tarde.

A influência desses programas é um ponto interessante para debater. Uma coisa é certa, a educação em casa é que constrói grande parte do ser humano, pois esses ensinamentos podem "proibir" a visualização de certos programas, por exemplo.

Beijinhos,
atualidadesbyclaudia.blogspot.com

Daniela disse...

Cobras num tupperware??? Estes miúdos pensam em cada uma, criatividade não lhes falta.
Eu quando vi o vídeo o que senti foi pena daquele rapaz, tem uma vida pela frente e não está minimamente preparado para a construir...E ainda acredita que é mesmo maior. É triste, mas acho que as novas tecnologias por assim dizer só acabam por mostrar mais ou de forma diferente, porque gente assim sempre existiu. O que me deixa ainda mais triste é que pessoas com estas atitudes acabam por denegrir a imagem de toda a juventude.

Concordo plenamente com o que dizes, não basta ter filhos, é preciso ter tempo para os ensinar a crescer.

Sabores e dissabores literários disse...

Olá,
Eu no dia em que estes jovens foram ao VOCÊ NA TV, mas vi tanto alarido em torno deste dia em especial que tive que ir ver qual era o tema.
Sabes? Concordo e subscrevo cada palavra que escreveste. Isto deixa-me sem palavras porque acho que a nossa geração está mais perdida do que outra coisa qualquer.
Tenho 20 anos e estou longe de concordar e rever-me nas atitudes e pensamentos destes jovens. Tudo em troca de likes no facebook, a sério, por amor de deus. Isto mostra-nos claramente a forma como as novas tecnologias, inclusive redes sociais são boas, mas também a forma como se revelam prejudicais e perigosas para mentes como estas.
A sério que ele disse que o que ele faz não reflete a educação que lhe deram? Não sei que mais refletem então e depois ainda diz que ele é maior de idade e os pais não têm nada a ver com o que faz, sinceramente. Estou como a Cristina, nem são eles que ainda lhe pagam ainda as contas nem nada.
Claramente eles têm problemas e são sérios.
Beijinhos.

Patrícia disse...

Cada vez os miúdos estão piores e, como disseste, a culpa é dos pais! Um belo castigo no momento certo, uma repreensão,...
"mas coitados dos miúdos q ficam traumatizados"
Depois é o q se vê :/ tenho medo do que acontecerá quando crescrem! São imaturos e inseguros e pensam que não há consequências para os actos... que adultos serão um dia?!?!

Soberana da Noite disse...

O mais giro do vídeo foi o Fabio (o puto irritante) dizer algo do gênero "graças a deus que sou hetero", qualquer coisa do gênero, e ter o ar, tiques e maneira de falar mais gay que sei la bem o quê! E depois diz na sua página que procura a rapariga que o faça mudar, algo assim, nao decorei. Mudar o quê? "mudar de roupa"? Uma rapariga DECENTE nunca quererá nada com ele, e só as pitas burras que ficam iludidas com a "fama" dele é que lhe dão bola e o incentivam,etc. E acha-se o maior por ter 19 anos, fazer figuras tristes e viver à custa dos pais. Mas a culpa é dos pais! Se sabem disto e não gostam, nao basta dizer "nao gostam". Ha que tomar medidas! Impedir! Tirar câmara, pc, ate as chaves de casa se for preciso. E, principalmente, pararem de lhe dar dinheiro. Se o quer, que pare de fazer vídeos estupidos e se faça à vida! Ele deve achar que o dinheiro vai do céu. Lá por ter mais de 18acha que é gente? So o será quando se poder sustentar sem precisar dos pais. E se comportar com DIGNIDADE, coisa que ele bem deve saber o que é.
Eles falam de uma rapariga que foi convidada e não foi. Essa pessoa foi a Tatiana Neves. A muito falada que impinava o rabo e que ate o Rui Ubas fez um vídeo a falar dela e das suas fotos provadoras. Resultado: Tem 150 MIL likes, faz presenças em discotecas e é modelo de langerie. Tudo porque se deficou a tirar fotos provocadorad que toda a gente falou, criticou e partilhou. O falarem mal dela deu-lhe o que ela queria! E é isso que estes putos estupidos pretendem: Fama! Nao importa se por bons ou maus motivos. Mas que falem deles!
Isto faz-me lembrar a Miley... Tanta gente criticou o seu vídeo da marreta e que toda a gente ia para o YouTube ver, e assim bateu recordes de visualizaçao.
É para o que estámos...
Jovens fúteis e que não medem os seus atos. E que não tem nada na cabeça e so procuram o dinheiro fácil. E para isso procura a "fama", sem pensarem em meios e consequências.

ana claudia casanova disse...

Bem estamos a criar sabe Deus o que, mas a verdade é que apesar do doctor, ter muito credito para a tvi. Eu nunca gostei dele por opinião pessoal, já ouvi comentários muito infelizes dele.

Mas sinceramente, fiquei chocada com a alienação dos jovens no vídeo, senti que vivo num mundo paralelo e também tenho um blog e pagina no fb.

*hugs da Naipes*
http://ladynaipes.blogspot.pt/

riotdontdiet disse...

concordo com tudo o que disseste!
ainda ha pouco li a frase " as pessoas preocupam se em deixar um mundo melhor para os nossos filhos mas nao se preocupam em deixar uns filhos melhores para este mundo". algo do genero e verdade.
tenho vergonha desta juventude.

http://rrriotdontdiet.blogspot.pt/