Opinião da Tim - Euro 2016


Aviso: Este post foi escrito com sinceridade, é possível que não gostem do que a Tim aqui escreveu.

Quando o Euro 2016 começou, eu não acreditava que Portugal pudesse passar da fase de grupos. A qualificação tinha sido muito má e os nossos jogadores não estavam a 100%. Faziam crer que estavam a jogar por jogar. Os jornais diziam que Cristiano Ronaldo não estava focado e que já estava a dar as últimas. Se há coisa que me enerva é a selecção girar à volta do CR7. Há lá mais jogadores e um que tem demonstrado a sua garra é o Quaresma, para não falar do Nani e do Renato Sanches. 

O Euro 2016 começa e eu já tinha a França como a "minha selecção"*, pois Portugal não me estava a convencer. Após ver a fase de grupos reparei que a França estava a mostrar habilidades e que Portugal era o aluno que se ficou pelos 9,5. A Islândia e o País de Gales estavam ao rubro pois conquistavam factos históricos nunca antes vistos. E a Alemanha que se mostrava arrebatadora? *Sou fã da selecção francesa como de certeza alguns de vocês também gosta de outras selecções... Não me julguem só porque sim.

Oitavos de final e Portugal continuava a jogar por jogar mas já mostravam alguma confiança. De facto foram precisos 120 minutos para vencer mas isso só demonstra a boa preparação física dos jogadores, pois no jogo a seguir foram os 120 minutos mais as grandes penalidades. Todos nós sabemos que nem todos aguentam umas boas penalidades, mas nós portugueses somos resistentes. 


Frente ao País de Gales percebemos que os 11 em campo estavam mais do que confiantes, estavam com fome de vencer. Eles sabiam que podiam ganhar e ir à final e foi por isso que jogaram com garra. Já a França ia perdendo pontos na minha consideração e foi frente à Alemanha que percebi que algo de estranho se passava. Para a selecção das Quinas as penalidades não eram marcadas já para os franceses eram-lhes dadas de bom agrado.

Cada selecção teve os seus bons e maus momentos e é verdade que em cerca de 30 jogos só vencemos 5 vezes frente aos Les Bleus. Também é verdade que a Alemanha nunca tinha vencido a Itália e que a França nunca tinha vencido a Alemanha mas este Euro está cheio de surpresas porque não continuar a quebrar barreiras?


Não procurem raízes portuguesas na selecção francesa porque isso a nós não nos interessa. Deixem o Griezmann ser francês tal como ele o desejou ser. Não digam que os portugueses são uns coitadinhos em França digam sim que os franceses não sabem viver sem nós, os degueulasse. 
Ambas merecem vencer, mas Portugal há muito que trabalha para conquistar "um" caneco e está mais do que na hora de mostrar ao Platini que somos capazes. A França viveu tempos difíceis mas nós já estamos em crise há muito, vá agora deixem lá aproveitar estas "borboletas na barriga" que o futebol provoca e tragam para cá a Taça...


Sim, a Tim não dava um tostão furado a esta selecção no início do Euro mas agora acredito que seja possível. Isto é como tudo na vida... Mudamos de opinião, somos surpreendidos mas acreditamos sempre - ok, nem sempre - mas uma coisa é certa, na segunda ninguém trabalha na França, quer Portugal ou França ganhe. 

4 comentários:

C. disse...

Mesmo :D eu infelizmente estou a fazer noites... bem que vou ver o jogo no trabalho, LoL.

Beijinhos,
O meu reino da noite ~ facebook ~ bloglovin'

Owlonmars disse...

Bem verdade!!!

estrela disse...

eu achei que o Pepe jogou sempre bem e não teve muito mérito!!!
mas a UEFA deu-lhe o mérito!

Minnie Me disse...

Eu sou um pouco como tu... Não acreditava :/