Carnaval!?

Mais um ano, mais um carnava e mais uma volta no carrossel. Sim, já houve uma altura em que gostei de brincar ao Carnaval, mas com o tempo me apercebi... isto não passa de uma brincadeira e de uma maneira de ver putedo. Aqui, na terra do futuro, existe um grupo de homens que se vestem de mulheres,  a piada surge nas figuras que as lindas lady's fazem, eles estão bêbados, eles mostram as bordas do cu e no fim de tantas voltas e de tantas piruetas, eles já têm sangue a cair pelas pernas abaixo, devido às assaduras, olha que coisa bonita de se ver.
Por norma, todas as segundas há baile. Vê-se bêbados a dançar, ou pelos menos a tentar dar um passo de dança. Vê-se mamas, pernas e se a bebedeira for tanta, ainda se vê mais qualquer coisinha. À quarta, último dia e o mais parvo, é o enterro de Carnaval. Surge a estéria dos homens, eles choram, eles berram, eles fazem sei lá o que. Lê-se o testamento, cheio de palavrões e de angústias e depois o fogo de artifício, que o ano passado só se ouviu os estouros, porque a crise é tanta, que  o fogo de artifício só teve direito ao som. 
Todos nós temos a nossa criança cá dentro, mas não devia de aparecer só na altura do carnaval. Que mania têm os portugueses de ter um dia para tudo, ou pelo menos um feriado. 

2 comentários:

Bárbara M. disse...

r: sim...

Obrigada por seguires :) ja te seguia*

Catarina disse...

Eu continuo a achar que homens vestidos de mulheres no carnaval, é sinal de que alguma coisa está errada :P

Beijinhos *