Será 2014 o ano?

Tenho andando a pensar em resoluções para 2014, mas pergunto-me para quê.
2013 foi de alegria e de tristeza, não posso dizer que foi um ano positivo, porque na realidade sofri em certos momentos e com certas pessoas. No entanto, surgiu uma oportunidade de estágio que se tornará em breve em trabalho, pelo menos assim o espero.
Foi também em 2013, que comecei a dar importância ao meu "eu", a fazer coisas por mim, e a tirar partido de mim.
Descobri que gosto de dançar, embora muito mal, e aprendi a gostar de desporto. Conheci pessoas novas. Aprendi a comer de forma saudável. 
Aprendi muito e não aprendi nada, mas todos os anos são assim. Que mais posso dizer? Não é só no final do ano que fazemos o balanço, mas sim quando surgem motivos para tal. Com certas atitudes, com certas pessoas, com "um abre olhos", com tudo um pouco. 
Mesmo assim, decidi, que devo fazer uma lista de objectivos variados e que devo partilha-la com vocês, de maneira a por alguma pressão. 

12 Objectivos
- Comprar um ipad ou um iphone;
- Fazer a "nossa viagem";
- Partilhar com vocês algumas dicas da dieta e receitas, como também escrever mais no blogue;
- Ir a um concerto;
- Poupar dinheiro;
- Mudar de corte de cabelo;
- Começar a trabalhar na minha área;
- Comprar as temporadas de "How i met your mother";
- Ir a Paris;
- Vestir o tamanho 38;
- Comprar os últimos 2 cd's do GL;
- Muita Saúde, Passar bons momentos com os Amigos e Família;


Bom ano para ti que estás desse lado. Cuidado com os doces e fritos, que tenhas tudo do bom e do melhor. Cuidado com as cadeiras, porque é lindo entrar no novo ano com o cu no chão. 


Ufa! Chegou o fim de semana.


Estou arrasada. Fiz uma viagem em 2 dias, ou seja, mais de 10 horas sentada num carro a ouvir Tony. Estive uma hora a apertar a bexiga pois na IP2 não há áreas de serviços (muchas graçias engenheiros). Fui trabalhar na quinta completamente cheia de sono e na sexta a chocar uma gripe. Mas estou agora aqui com um enorme sorriso. E vocês que me contam? O vosso Natal foi bom? 

Porque sei que não venho ao blogue tão depressa


Desejo-vos um Bom Natal! Cuidado com os doces.


Nem sei o que dizer... Boa semana. A minha vai ser cheia de emoções.

Esqueci-me de contar uma coisa. O meu irmão pediu a Ps3, e eu, sendo uma boa irmã vou comprar este jogo para dançar em casa.  Yap, sou bué deprimente.


Pedaços de mim 14#

Hoje o dia começou da melhor maneira, Shy'bam e Bodyvive (já não ia ao ginásio há mais de 2 semanas, e deixai-me ir enquanto posso). As novas coreografias estão brutais para não dizer que deixam uma pessoa "partida". Desde Ricky Martin a Fall Out Boys, há música para todos os gostos. Já cancelei a minha inscrição, mas tenho direito ao mês de Dezembro ainda, se era isso que iam já perguntar.   
Esta semana promete ser de emoções fortes, sabem porque? A N' vai voltar do Brasil. Vamos matar as saudades e pôr muita conversa em dia.

Uma coisa está garantida, para noites frias, o melhor remédio é um chazinho. Eu até era uma pessoa que odiava chá, mas como a dieta o obriga, têm de se fazer alguns sacrifícios. Ah, mas é sem açúcar. O que ando a beber é o de maçã e canela, e vocês qual bebem?


p.s: desculpem lá a qualidade da fotografia 

Preciso de ajuda... do tipo urgente


Este ano voltamos a trocar prendas de Natal, uma tarefa que para mim é difícil. As minhas "besties" são duas raparigas completamente diferentes. Uma é feminina e a outra é uma maria-rapaz. Já comecei a minha busca intensiva, mas esta tarefa tornou-se mais díficil devido à minha falta de tempo. Podiam dar-me uma ajudazinha?



Pedaços de mim 13#


Cheia de frio e com o nariz a pingar, o que quero mesmo é deitar-me e pôr as minhas séries em dia. 

Tenho andado ocupada, o que até é bom sinal. Neste momento estou bem com a vida, coisa que já não acontecia há muito. Pergunto-me todos os dias como consegui um estágio nesta altura, e agradeço por isso. Houve alguém que me disse - Deus só dá aquilo que merecemos, e que cada um têm aquilo que merece - nem sempre me sinto merecedora desta sorte, mas agradeço todos os dias pela oportunidade que tive. Se há coisa que aprendi com 22 anos foi, que de um dia para o outro a nossa sorte pode mudar. Não pensem que por estarem um ano em casa, ou até mais, que a vossa oportunidade não vai chegar. Isso é mentira. Só o vai acontecer se baixarmos os braços. Por muito que custe, temos que remar contra a maré. Não desistam, são pequenas vitórias que nos fazem acreditar, que um dia, a nossa sorte vai mudar. 
Bem, isto era só para ser um post com uma frase, e acabei por divagar na maionese. Bom fim de semana. 

Como ser um labrego romântico, mas sobretudo labrego

Hoje tive a oportunidade de ver a cena mais parva de sempre. Toda a cena é digna de uma música da autoria de Tony Carreira (sim, meus amores).
Estava muito bem a vir na camioneta, a ouvir a minha música até que uma rapariga se mete na faixa do bus. Até aqui tudo bem, a rapariga volta para a faixa dela e o sinal fica vermelho. O motorista abre a porta e ela a janela, a conversa foi mais ou menos isto:
Motorista: Olha lá, tu não és parva?
Moça: Não, você é que faz ai os piscas mal, e depois fui para a faixa errada.
Motorista: Ai a culpa é minha?
Moça: Ah pois é.
Entretanto o sinal fica verde, mas de nada serve, toca a empatar o pessoal.
Motorista: Já te disse que és bonita?
Moça: Não
Motorista: Dá-me o teu número de telemóvel
Moça: Ah tá bem 
Motorista: Quando chegar ao destino ligo-te
Moça: Combinamos um café?
Motorista: E mais qualquer coisa não?
Moça: Pode ser.


Não estou a brincar. A camioneta ia a barrotar de pessoal. Foi uma cena estúpida e todas as pessoas na camioneta acharam o mesmo. Até um senhor comentou - Esta juventude só quer levar no pacote. 
Pronto foi só isto. 

Pedaços de mim 12#


Começou agora a chover. Já não bastava o vento frio, ou melhor o gelo que faz. Está tanto frio que não se pode, se pudesse ficava na cama, embrulhada nos meus quentes lençóis todo o dia. Amanhã é sexta, o que faz pensar que, o fim de semana vai ser passado a chá, mantas e pijama. 
Ultimamente tem sido um choque térmico. No meu local de "trabalho" estão 2 aquecedores ligados mais o ar condicionado, não estou a brincar. Quando entro sabe que nem ginjas, mas à hora que saio, é o pânico. E as noites em que os pés ficam gelados? Gosto do Inverno, mas não assim. 


Os dedos parecem chouriços, eu sei!

Pedaços de mim 11#


Obrigada meninas por terem respondido ao questionário, a minha amiga agradece imenso. Sei que tenho andado fugida deste mundo blogger, mas a verdade é que não tenho tido muito tempo. Essa falta de tempo está a por à prova a minha paciência. O facto de já estar a estagiar num horário alargado, do qual estou a gostar imenso, fez-me ponderar a minha desistência dos Pilates. Sei que estou a por em causa a minha saúde, mas no entanto, não posso desistir de um estágio, assim à toa. Por muito que me custe, vou-me afastar do ginásio por uns meses, mas a promessa fica feita, vou voltar. Acreditem que me vai custar imenso, mas vai ter de ser. Vou voltar de certeza, quando o "trabalho" acalmar, mas neste momento, tenho que deixar de lado uma coisa que gosto de fazer, devido à minha falta de tempo. Já falei com a minha instrutora, e ela é tão querida, que me vai enviar exercícios para fazer, enquanto estiver afastada. Mas uma coisa é certa, vou voltar. 

Posso pedir um favor?

Podem responder a este questionário, aqui? Please.
A partir de amanhã, o estágio passa a full time. Que venha a dose.

As prendinhas #2



Ontem foi dia de matar saudades e fui almoçar com a Pipa. Apesar da N' não estar, tentámos tirar algum proveito. Deu para dar umas boas gargalhas e pôr a conversa em dia. Foi uma tarde bem passada, e soube que nem ginjas. A melhor parte foi a prenda, ela ofereceu-me um Kit e um livro com a história e receitas de Macarons como também um livro de receitas de Nutella. Graças à Pipa vou ficar uma Pró em Macarons. Obrigada pela prenda e pela companhia. 

As prendidas




Apesar de já a ter recebido há mais de uma semana, o prometido é devido. Aqui estão as prendas que a Pi Maria me ofereceu, as Pantufas são super fofinhas e quentinhas. A Torre Eiffel está bem guardada, para não falar dos cremes que têm um cheirinho que dá vontade de comer.







Tinha que partilhar.


Uma pergunta
Alguém sabe onde se vendem este tipo de canecas?

Bolo de Pêra com Bagaço e Agradecimentos

Sim é verdade, fiz anos na quarta e obrigada a todas por me terem dado os parabéns. Apesar de não gostar de fazer anos, não pela idade, mas pela atenção (odeio beijinhos, mariquices e cenas afins). Também é verdade que tirei da minha conta de facebook, mas isso foi mais para saber quem é que realmente se lembrava de mim e sabem uma coisa? Conto pelas mãos as pessoas que me deram os parabéns. Metade delas foram completamente surpresa. Ok! Foi uma criancice tê-lo feito, mas pronto, às vezes é necessário saber quem é que está do nosso lado quando realmente precisamos. 
Como houve festa cá em casa deixo-vos a receita do bolo que fiz.

Bolo de Pêra e Bagaço

3 ovos
3 pêras
13 Colheres de sopa de açúcar (só meti 9 e ficou doce à mesma)
13 colheres de sopa de farinha
1 colher de sobremesa de fermento 
1 colher de bagaço (se quiserem que fique "bom" ponham 2)

Cortem a pêra aos pedaços (a pêra vai-se desfazer à medida que se mexe a massa), coloquem os ovos e mexam. Adicionem os outros ingrediente e no fim, o bagaço. 

É só meter no forno durante 20 min a 120º (depende dos fornos, tá bem?


Ainda esta semana, vou-vos mostrar a prenda que a Pi Maria me enviou, palpites?



Com 22 anos aprendi


* que nem sempre a família está do nosso lado;
* amigos amigos, opiniões à parte;
* se queremos, podemos;
* que a vida é uma caixinha de surpresas;
* a ganância pode dar cabo de uma amizade;
* há sempre alguém que te puxa para cima;
* o medo pode dar cabo de nós;
* a estar calada;
* a comer menos mas mais saudável;

Mas o melhor foi o conselho que me deram, o "Vai-te curar". 
Obrigada a essa pessoa, pois curei-me, mas não foi da minha doença.

Para todos os efeitos, amanhã ninguém faz anos.

A prenda

Foto é da autoria da Pi Maria

Aqui está a prenda que ofereci à Pi Maria, apesar dos "contratempos" a prenda chegou a tempos e horas. Há blogger's que merecem e ela é uma delas. Tanto a boneca  como a caneca têm ambos o seu significado. E sabem uma coisa? A Pi Maria faz coleção de canecas, facto que desconhecia. Acham que escolhi bem a prenda? 

Troca de prendas


Moi e a Pi Maria decidimos fazer uma troca de prendasJá enviei a prenda à Pi Maria e ela já recebeu. Fez anos ontem (Parabéns!). Agora quero que ela me diga se gostou ou não e que tire uma fotografia (esqueci-me de tirar). Vá, agora quero tudo a dar os Parabéns à Pi Maria! 

O que se aprende quando se estuda com o irmão mais novo



Mineral iodo - fundamental para o bom funcionamento do organismo. Consequência da sua carência: aumento do risco de atrasos mentais em crianças. Exemplos de alimentos que previnem tal carência: marisco e moluscos 

Capiche?

Não digam à minha nutricionista


Já há muito que andava com vontade de comer um prato de Nestum. Ontem foi o dia. Sei que faz mal e que não ajuda à dieta, mas também mereço um miminho, certo? 

Quando se pensa que tudo está perdido, a oportunidade surge do nada. 
Bom domingo.

P.s: Até me esqueço que tenho um blogue

Curiosidade minhas 4#


Se pudessem oferecer uma prenda a uma blogger, a quem seria e o que seria? 

Músicas do passado


Como eu adorava esta música, Ai que memórias. Que cena, ouvia isto no liceu. Estou a ficar... espera... a Kim Kardashian entra no videoclip?

Mais um episódio cá de casa


Sabem aqueles passatempos do telefone? Aqueles que todos os programas da manhã, da tarde e da noite têm?

Ontem o meu irmão teve a brilhante ideia de ligar para esses números. Não sendo ele ainda maior de idade, estava cheio de medo que lhe ligassem. Surgiu aqui uma oportunidade para lhe pregar uma partida.

Quando faltavam 30 segundos para o passatempo terminar, a minha mãe liga-lhe em privado. A reacção do miúdo foi hilariante, começou a gritar "Ganhei, Ganhei", "Vou comprar um ipad só para mim". Esta alegria acaba quando os da tv falam com a pessoa e ele apercebe-se que quem lhe ligou foi a mãe.



O "tal" post

Esta semana decidi colocar um post no blogue sobre as prendas que eu gostaria de receber no dia dos meus anos. Quando o coloquei pensei "é agora que me vão deixar de seguir e vão pensar que os estou a obrigar a comprar", mas não é nada disso. Fiz o post na brincadeira, e pensei mesmo que me fossem insultar. Ora tal não aconteceu. 
No dia a seguir quando abro o mail e encontro comentários que me deixaram boquiaberta. Ainda nem acredito, vocês são um máximo. 

Mas agora a sério. Escrevi o post em tom de brincadeira e nunca na esperança de me pedirem a morada para enviarem um presente. Agradeço imenso, mas não posso aceitar, não seria justo. O máximo que posso fazer é uma troca de prendas, só assim seria justo para ambas as partes. 

Vá agora digam de vossa justiça. 

Fiz bosta


Fui apagar um álbum" Não sei que Picasso" que continha fotos minhas e de outras pessoas e acabei por apagar grande parte das fotos do blogue. Pronto, sou uma nódoa em tecnologia. 

Os animais



Apesar do Pateta estar a fazer companhia aos meus avós, ele continua a ser o cão mais fofinho. Sendo hoje o dia dos animais, o Pateta merece miminhos. 

Anatomia de Grey - A última temporada de Yang


Quem me conhece sabe perfeitamente que tenho feitio de Yang. Ora é a mandar bocas, ora é dar conselhos bem dados, ora é reclamar com tudo e mais alguma coisa. Quando me dizem que esta vai ser a sua última temporada, fiquei triste, mas nada que não se resolva não é? Agora a dúvida que me resta é, será a Shonda capaz de matar a Yang? Espero bem que não, pois já chega de tragédias naquela série.
Não se esqueçam logo à noite estreia na Fox life a 10ª temporada.

Adivinhem lá


Tenho um vizinho jogador do Benfica. 
Andou comigo na primária e na catequese.
Caso não adivinhem, também não vou dizer quem é. :P




O que eu queria mesmo era

Receber uma prenda especial daqui a um mês. Sim, daqui a um mês faço anos. Iupi?! Deixo aqui uma listinha para quem precise de ajuda. 

- Yellow Umbrella (Tim, cura-te tá bem?)
- T-shirt "Challenge Accepted" ou "Nobody asked you Patrice" (Ia para os Pilates cheia de estilo hein!)
- Os dvd's de How i met your mother, 2Broke Girls ou Walking Dead (Ok, esta é um pouco cara)
-  O último cd do Gl - 5 ans
-  O livro de Marc Levy  "Les enfants de la liberté" ou "Si c'était à refaire"
-  O livro de Elizabeth Bard  "Comer e Amar em Paris"
-  Pantufas
- A N. vir do Brasil (já sei, não é possível)

Neste momento não estou a ver mais nada, mas se me quiserem surpreender estejam à vontade ;)

Sim , sou viciada admito



O que acham "The Mother"? Na minha opinião, não podiam ter escolhido melhor.



Estou sem inspiração... Odeio estar assim, sinto-me vazia.

Quando o objectivo não é concretizado

Este mês não podia estar mais chateada com o meu corpo. Subi para a balança toda confiante quando para meu espanto a instrutora me diz - Engordaste um quilo
Não quis acreditar, mas como fiz tal coisa? Nunca levei a sério as dietas que fiz mas esta, bem esta tenho levado  muito a sério. Só me apetecia chorar e sair dali a correr. Pareço uma criança a dizer isto, mas odeio quando os meus objectivos saem furados. 
Todos os dias acordo às 9 para às 10 horas estar a fazer pilates ou circuito. Todos os dias penso nas dores de costas que tive e nas vezes que não me conseguia levantar da cama. Noto muito as diferenças, já não caio para o lado com dormência nas pernas, já consigo fazer certos movimentos que outrora me eram impossíveis. A dieta apesar de ser complementar, têm-me ajudado imenso na minha auto-estima para não falar da "nova" alimentação saudável. 
Mas sabem aquele esforço que nós fazemos quando queremos mesmo muito uma coisa? E sabem aquela sensação de não ter alcançado essa coisa? É como me sinto neste momento. Mas acham que vou parar porque engordei um quilo? Já emagreci 5 e já perdi 6cm de cintura, mas a melhor parte é mesmo sentir-me bem das costas. Possivelmente vou ter de voltar para a fisioterapia, mas não há problema. O que quero mesmo é sentir-me bem... os objectivos são alcançados aos poucos. 




Pedaços de mim 10#


Não tenho nem nunca tive um microondas em casa. Há quem ache estranho. Há quem me pergunte como aqueço a comida e o leite de manhã, é simples, aqueço no fogão. Não faço pipocas de micro-ondas nem bolos de caneca (e ainda bem). Sempre foi assim cá em casa e duvido que um dia, quando tiver a minha casa, compre esse electrodoméstico. Não sinto a falta dele. Acham-me estranha? Não sei porquê, é só um electrodoméstico. Na minha opinião o microondas é como a máquina de lavar loiça, só a tem a quem faz falta. 

Desafio TAG

Enquanto a inspiração não chega a estes lados, resta-me aproveitar estes "miminhos". A Oui, C'est Moi tagou-me. Esta emigrante conta umas belas verdades lá no cantinho dela...Ide lá ber.

Regras
Completar todas as frases
Passar pelo menos a seis blogues e avisar os mesmos de que foram indicados para participar
Ao completar as frases pode escolher completar as mesmas que recebeu ou mudar para outras que ache mais convenientes

TAG

Sou muito amiga dos meus amigos. 

Não consigo comer nem cheirar feijão ou grão, seja da maneira que for.

Eu nunca viajei para fora do país, ou seja, nunca sai deste Portugal.

Quando era criança adorava jogar à bola e de ficar até tarde com os meus amigos.

Ainda gostava de viajar, conhecer locais e pessoas novas.

Eu já dormi na praia.

Eu morro de medo de perder alguém que amo.

Eu sempre gostei de Paris.

Se eu pudesse emigrava.

Fico feliz quando estou ao pé daqueles que mais amo.

Se pudesse voltar atrás no tempo não tinha dado tanta confiança a certas pessoas, que agora, felizmente já não me são nada.

Adoro a simplicidade da vida.

Quero muito concretizar "todos" os meus sonhos, pelo menos aqueles que ainda são possíveis.

Eu preciso  mesmo de arranjar emprego, ou dou em maluca.

Não suporto o egoísmo.

Convido para realizarem este TAG  todos os blogues que quiserem este TAG.
E já agora, não vos custa nada, respondam lá a esta pergunta. 

La Cage Dorée - A gaiola dourada


Nem sei por onde começar, desde pequena que ouço histórias sobre a emigração. Sou filha e neta de emigrantes e pelo andar das coisas talvez me torne também numa emigrante. 
O filme não podia ser melhor, dá para rir, dá para chorar, não tenho palavras. Há tantos clichés, há tanta coisas por descobrir. A minha avó bem dizia que os franceses sem os portugueses não são nada e talvez ela tenha mesmo razão. Se há coisa que aprendi com o filme foi "Trop bon, trop con" é como se fosse um abre olhos. Não somos um povo egoísta e a prova está neste filme. Valeu a pena esperar, é para ver e rever. Já fiz like e vocês? 

Acabaram-se as férias... como se eu já não tivesse de férias há mais de um ano. É melhor dizer, fui desanuviar a cabeça. 
Foi bom ir à terrinha, ouvir aquele sotaque, comer aqueles folares, ir aos bailaricos mas sobretudo matar as saudades. 

Wendy Nazaré - Lisboa



Wendy Nazaré é uma cantora belga que decidiu pegar nas suas raízes lusitanas e homenageou-as no seu segundo álbum "A tire d'ailes". Têm também descendência inglesa e argeliana. O clipe como vocês podem ver, e como é óbvio, foi gravado em Lisboa.

Não se deixem enganar pela voz e pela carinha laroca, pois esta menina tem um mestrado em Psicologia. Dá para perceber que canta por paixão e não pelo negócio discográfico. 





Ca n'fait même pas 20 ans que j'te connais et toi tu vois déjà dans mes veines 
Le creux qu'à laissé les larmes et la distance de 2000km 
C'est parce que t'as la même gorgé de soleil et de souvenirs qui dansent 
Au rythme des fados, de leur robe noir et des cris immenses 
Y'a comme un goût de par coeur que je parcours dans tes soirs, tes matins 
Pourtant on n'est ni soeur ni amant d'avec ou sans lendemain 
On a ces mêmes grands places, ces grands hommes qui nous ont marqués au fer 
Depuis Salazar le marquis de Pombal jusqu'à nos terribles grand-pères 

Refrão: 
Cheira bem, já tem sol, Cheira a lua, cheira a Lisboa 
Cheira bem, já tem sol, Cheira a lua, cheira a Lisboa 

Perdue entre la mer et les montagnes mentholées de Sintra 
Toi tu te repères avec un nuage d'alegria 
Ta seule ligne de conduite est de suivre le vent et peu importe 
Des marées où tout passe, orage, tourment, pourvu qu'il t'emporte padapadapada 

Refrão. 

Tu t'es rebâties après un séisme pire que l'enfer 
Plus belle, plus rayonnante 
Tu nous éclabousses de lumière 
Et ça me rassure de savoir que même quand nous ne serons plus là 
Même juste dans l'air encore, on te sentira padapadapada 


A música está aprovada?

Já desde Dezembro que andava ansiosa por este Mariage





A minha prima tinha um sonho, casar-se em Portugal. Não podia ter escolhido melhor o local, Nossa Senhora dos Remédios em Lamego. Nunca lá tinha estado, mas achei a região bastante acolhedora e com paisagens de cortar a respiração. 

Saímos de casa às 6h da matina, troquei de roupa numa área de serviço, não sabia que havia casa de banho no santuário e ainda consegui maquilhar-me antes da cerimónia. 

A missa estava marcada para as 10h, mas nenhuma noiva foge à regra, e ainda bem, pois caso contrário não daria para conhecer o santuário. A cerimónia foi metade portuguesa /francesa, mesmo assim deu para dar umas risadas com o padre a ler français. Como é tradição tiram-se as fotografias, mas os noivos quiseram a coisa simples. 


O copo d'água foi na quinta do Paraíso Douro, a quinta têm uma vista maravilhosa sobre o Douro, para não falar da comida. A comida não podia ser mais "típica" desde canja ao leitão...  coisas boas. A animação foi engraçada(metade french/portuguese), houve um concurso de dança, perguntas aos noivos e ao apita ao comboio. Não ficamos lá até ao fim, e depois das sobremesas fizemo-nos à estrada. Não vimos ao vivo o fogo-de-artifício nem o bolo da noiva, mas os noivos fizeram-nos uma visita, trazendo as fotografias. 





Valeu a pena a viagem e o casamento foi lindo.

Hits de Verão


Graças à instrutora de Pilates fiquei viciada nesta música, para não falar que nos dá logo energia pela manhã. E vocês, o que andam a ouvir?

Em Setembro volto à rádio, preparadas? Respondam a este post, não custa nada.


Os transmontanos dizem "Bôh" e os francesse "Bah lá". 

Meu querido mês de Agosto

Não tenho nada a dizer a não ser... passo os dias a ir ao ginásio e aos Pilates. E sabem uma coisa, 5cm de cintura foram à vida. Pimbas!

Alejandro - O Mcdreamy italiano

Estou-me sempre a esquecer de vos contar este episódio. Em Maio fui à consulta de Neurocirúrgica, e tive o prazer de conhecer o Lorenzo. Ah pois é, quando li pela primeira vez o nome lembrei-me de um episódio do Himym . É o Mcdreamy em pessoa, pois é a fotocópia do Alejandro das Cheias de Charme. 

Pronto é isto. 

Ah, ele é italiano

Je sais pas et je veux pas savoir


Amiga desmiolada e convencida: Tornei-me vegetariana, e estou super contente.
Tim: A sério? Bem tens uma força de vontade.
Amiga desmiolada e convencida: Pois eu sei, mas não dispenso uma boa cabidela....
Tim: Desculpa... Cabidela? Mas isso não é ir contra "as regras"?
Amiga desmiolada e convencida: Não é nada, uma vez por semana posso fazer uma asneira.
Tim: Pois deve ser. Mas isso não é ser vegetariana a meu ver.
Amiga desmiolada e convencida: Claro que é, tu não percebes nada.
Tim: ... pois deve ser isso



Curiosidades minhas 3#


Que músicas costumam "massacrar" no banho, na rua, em casa, nos Karaokes, para chatear um amigo, nos momentos mais deprimentes? Sejam sinceras e digam lá qual é, mesmo que seja deprimente... depois conto qual é a minha

Pedaços de mim 9#


Há mais de mês que estou de dieta, e só quem me conhece sabe o quanto eu sofro. Nunca fui destas coisas, mas desta vez vou faze-lo por mim e pela minha saúde. Já perdi 5 quilinhos e 2 cm de cintura. Parece-me pouco, mas também não posso pedir muito. Vamos lá ver como corre este mês. 

Era tão feliz até ver isto 7#


Não sei por onde começar... mas isto é um filme porno caseiro e não um videoclip. Neste caso, dispensa-se o clip e ouve-se a música.


Pronto, tenho dito


Não sei se vos disse mas, fui ao Mega Pic Nic e trouxe comigo um girassol. Sim, trouxe  placa porque girassóis nem vê-los. Ainda pensei arrancar um durante a mostra, mas as velhotas deram-me na cabeça. No fim já não havia nenhum, pois claro, se no ano passado arrancaram tudo à bruta, este ano até levaram a terra. 

Agora só são memórias

O texto é daqui

"Nunca fui dessas coisas, ou melhor, nunca acreditei nessas coisas. 
Minto, acreditei sim."

"Até há bem pouco tempo, tive o prazer de conhecer e de fazer parte da família do casal mais cómico e alegre do mundo. Tenho orgulho de dizer que são os meus tios e que chegaram até aos 65 anos de casados. Um amor incondicionável que faz lembrar uma boa comédia romântica.

Casaram-se com 16 anos lá na aldeia e tiveram 8 raparigas, isto porque o meu tio queria um rapaz e porque naquele tempo não havia grandes distrações. 
Aquela família foi crescendo, hoje são mais de 20 netos e um número ainda não definido de bisnetos. A minha mãe está lá metida no meio, tudo porque os meus avós e os meus tios emigraram para a França juntos, o que tornou a família ainda maior. Algumas filhas por lá ficaram, mas eles regressaram à aldeia.
Quando chega o Verão, todos se juntam na festa da aldeia. Todos os anos, fosse Natal ou Verão, ia até lá e visitava-os. A casa estava sempre cheia e cumprimentar todos era uma missão impossível. Quando nos sentávamos, o meu tio fazia o favor de nos obrigar a comer, até a mim, mesmo não tendo fome. Cortava o pão, o presunto e dava a todos, e nós bem o tínhamos que o comer.
Dei muitas gargalhadas com ele e com o meu avô, porque quando se juntavam era a paródia. Estavam sempre juntos, e juntos ficaram por várias décadas. As ricas histórias da emigração, as palhaçadas no terraço... Sim, estou a falar no passado... as memórias são mágicas, mas tudo tem um fim.
Aquela casa já não se enche de alegria, agora enche-se de memórias. Falta a voz dele, falta a presença dele, falta tudo. O Verão já não foi o mesmo, a casa apesar de estar lotada, a peça fundamental já lá não está.
Sempre foi aquele casal que admirei, sempre foi aquele o meu exemplo de amor eterno."

Ontem partiu a outra metade. Acredito que se tenham reencontrado... pois um amor destes vence qualquer barreira... 

Pedaços de mim 8#


Um abraço ajuda a esquecer muita coisa.

Pilates e Choques

Durante as próximas semanas vai ser assim, ou melhor, vou tratar de mim. Tenho seguido os vossos conselhos e durante 5 minutos penso no que devo fazer por mim e para mim durante o dia, depois  aponto num bloco de notas (ordens da nutricionista). 

Comecei a semana com o tratamento de "choque", a fisioterapia. A clínica mais parece um lar de idosos, mas os velhotes até são fofinhos. Enquanto estou a ser "chocada", ouço as conversas dos quartos ao lado. Na sexta um avô babado dizia - A minha neta pinta-me bigodes enquanto faço a sesta - ou melhor - A minha garota vai ao Dragão ver os Mousse. São pequenas conversas e relatos de vida que por ali passam. Alguns contam os tempos em que passaram fome, outros sobre a guerra colonial, mas há sempre tempo para umas boas piadas. 

Na terça, lá fui eu e a Bi para a aula de Pilates. A nossa instrutora das terças e quintas é uma moça brasileira que nos manda fazer uns exercícios com uns nomes muito complicados. Temos feito exercícios pélvicos e lombares. Às quartas a moça é outra e os pilates também. Saí da aula completamente dorida, mas sem dores. Ah! Durante a aula de pilates de quarta, uma senhora não aguentou e pum, soltou um peidinho. Ninguém se riu, tentei nem olhar para a Bi, pois ai seria a palhaçada total. 

As aulas de pilates são uma espécie de Yoga, uma pessoa não se deve rir é suposto relaxarmos. ADMITO, tem sido muito complicado pois a moça brasileira diz calmamente, vamos sugar o esparguete com a piriri, ou melhor, os faróis devem estar a apontar para o céu. Ok não tem piada, mas uma pessoa tem que se rir com alguma coisa certo?


Para quem quiser:

Querem  experimentar um exercício muito bom de pilates? Ora aqui vai, imaginem que estão a "sugar" o esparguete com a vossa vagina, digam-me qual é músculo que está a doer?

Não desapareci e pouco menos estou de férias. Antes de mais, obrigada pelos conselhos vou tentar pô-los em prática. Esta semana ainda mal começou e já estou rebentada. Ando a fazer os tratamentos à coluna juntamente com os pilates. A professora de pilates é um máximo, mas isso é tema para outro post.

Novos desafios

Devido a um problema de saúde tive que tomar medidas drásticas, uma delas foi inscrever-me num ginásio e  tentar melhorar a minha postura. O ginásio têm uma nutricionista e perguntaram se gostaria de ser seguida por uma, acabei por aceitar. A consulta foi ontem e a nutricionista analisou-me da ponta dos pés até à ponta dos cabelos, mas antes já tinha respondido a um questionário que mais parecia de uma psicóloga. 
Super simpática e super acessível disse que tinha que alimentar-me e não saltar refeições mas que tinha que mudar um comportamento, deixar de ser altruísta.
Essa é a minha tarefa, deixar de pensar no bem dos outros e pensar no meu, e tenho que tratar de mim. Sendo eu um zero à esquerda nesse assunto, venho por este meio pedir a vossa ajuda. 


O que é que vocês fazem por vocês? e para o bem de vocês? 
(Tenho que preencher uma ficha com mudanças de comportamento e realizar essas mudanças)

Mais um episódio da minha vida

Para quem  me quiser matar, este post vai ajudar-vos imenso.

Não sou pessoa de me enfardar em fruta, e é sempre um sacrifício comer por vezes uma simples maçã. Como não estou bem de saúde, fui obrigada a fazer dieta. Assim sendo, decidi apostar no sacrifício. Há dias fui à frutaria com a sô dona minha mãe e decidi comprar ananás, pêras, maçãs e pêssegos. Nesse mesmo dia, lá fui eu às rodelas do ananás, e comecei a comer. Visto que o consigo nas pizzas, também o devo conseguir comer à lambona. 

Tim: Oh mãe, estou a ficar com a boca grossa é normal?
Mãe: Já estás a fazer birra, faz favor de comer.
Tim: e aftas é normal?
Mãe: Abre lá a boca

Estava a sangrar da língua e estava a ficar cheia de aftas no céu da boca. A minha reação foi comer gelo, e a partir dai a minha língua começou a ficar normal. Como no dia a seguir ia ao médico, aproveitei e contei-lhe o episódio, e ela disse que a minha sorte foi o gelo pois estagnou a alergia. 
Não devo comer fruta tão cedo, vou é apostar nos legumes... e pronto era só isto. 

O fim de semana serve para muita coisa. Sábado é dia de limpezas. Domingo é dia de passear até ao shopping, parque, com ou sem companhia. 
Bom fim de semana. 

A pedido de muitas seguidoras, criei um novo separador "Receitas" e mais não é preciso dizer pois não?

Pedaços de mim 7#



Este fim de semana apeteceu-me algo docinho e fiz queijadinhas de leite condensado (não levam açúcar). A receita dá para fazer umas 25, mas neste momento já não há nenhuma. Que doces gostam vocês de fazer?  


No meu tempo não era nada disto 2#


 

Nos dias de hoje para os miúdos a palavra bater já não serve para descrever o acto de espancar/dar porrada/partir-lhe uma perna, mas sim para descrever um acto sexual. 
Nos dias de hoje para os miúdos a palavra opinar não descreve o acto de dar opinão, mas sim descreve um acto sexual. Daqui a nada, abrir a boca, só vai dar asneira.

Olha tu queres ver



que a Ministra da Agricultura foi ao Festival da Eurovisão? 

HIMYM


Para quem pensava que a mãe não aparecia, ora pois bem, ela aparece. O episódio pode não ser grande coisa mas a identidade da mãe já cá canta. Agora quero saber a vossa opinião.

Os gajos da luz



Durante esta semana, andaram pelas ruas os moços que contam a luz. Já os tinha visto por isso sabia que tinha que estar com atenção à campainha. Tal é o meu espanto, quando vejo a senhora a passar em todos os prédios e a deixar aqueles avisos "de tocar tocado e ninguém abriu a porta". Ora não faço mais nada. Desço as escadas e vou até às caixas do correio. Já lá estava o aviso. Sabendo que a senhora andava pelas ruas a distribuir estes avisos sem sequer tocar, chamei-a e ela toda sorridente veio ter comigo. 

Senhora: Bom dia!
Tim: Olhe desculpe, você não tocou à campainha pois não?
Senhora: Não tocar campainha, nunca estar ninguém.
Tim: Olhe que está enganada, porque neste prédio estão cá todos.
Senhora: Pois, não quero subir escadas, ficar cansada.
Tim: Então venha lá comigo porque quero a luz contada.

A senhora era estrangeira, era preguiçosa e saiu do prédio a dizer palavrões. (essas merdas já tu sabes dizer bem)

Verdade, verdadinha


Este blogue já teve melhores dias...

Como sabem no dia 13 de Maio é o dia D, ou seja, vamos conhecer a mãe (pelo menos é o que dizem). Assim sendo e de forma a acalmar os nervos, vou rever as temporadas todas. 
Se alguma de vocês quiser ver o episódio em directo, fale comigo ;)

Grégory Lemarchal

É o nome do cantor da imagem do post anterior. Como é óbvio, nem todos o conhecem, nem eu esperava que tal acontecesse. É conhecido por  "La voix d'un ange", sofria de  fibrose cística , mas a doença não o impediu de baixar os braços e ir em frente com os seus sonhos. Em 2004 ganhou a Star Academy 4 e a partir daí arrancou a sua carreira. Teve a oportunidade de cantar no Olympia em 2006 e fazer um dueto com a Lucie Silva (vejam o vídeo, talvez conheçam a música). Uma pessoa com fibrose cística tem uma esperança de vida entre os 30 a 40 anos, mas há casos que é necessário um transplante de pulmões (em casos muito graves). O Gregory acabou por falecer à espera de um transplante pulmonar, mas a sua morte não foi em vão, os seus pais criaram uma associação que têm ajudado e muito outros doentes. 

(Caso queiram saber mais alguma coisa é só perguntar)

Deixo-vos algumas músicas, caso queiram ouvir:











6 anos


Para muitos não passa de um simples cantor, para mim é um exemplo de vida. 

Pedaços de mim 6#


Esta semana ficam assim, o que acham?





Tenho saudades da "Ugly Betty" 

Ontem à noite, rebentou um cano aqui na rua. Foi um acontecimento deveras interessante, pois nesta terra do futuro as coisas quando acontecem é  logo à grande. O piquete demorou 1 hora a chegar aqui, mas se fosse para ir beber uma cerveja ao café em menos de 1 minuto já cá estavam. Pronto, tenho dito. 

Desabafo inútil



Tenho saudades de uma boa noite de diversão.

No meu tempo não era nada disto



As amiguinhas do meu irmão têm 10 anos, mas já são muito à frente. Elas já usam fio dental, elas enchem o soutien com meias e collants (antes era o algodão, mas agora é tudo à grande). Mostram as suas unhas de gel, e as suas novas botas de salto alto. Antes os namoros eram atrás dos pavilhões, agora é os linguados que pegam moda. Mas nem tudo está perdido, há pelo menos uma amiga do meu irmão que acha isto fora do normal, e veio-me perguntar como era no meu tempo. Tivemos uma conversa engraçada, mas fiquei chocada com a conversa. 

Já vos leram a mão, cina ou lá como se diz? O ano passado, durante a aula de rádio, uma colega agarra na minha mão e começa a ler, e disse-me coisas que naquela altura não faziam sentido..
Não sou de acreditar nessas coisas, nem quero começar a acreditar, mas hoje percebo o que ela me quis dizer.

Pedaços de mim 5#




Estranha: Olhe desculpe, qual é a cor que usa para pintar o cabelo?
Tim: Não pinto o cabelo.
Estranha: Pois está bem, se não quer dizer tudo bem... obrigada na mesma.
Tim: Eu não pinto o cabelo, esta é a minha cor natural.
Estranha: Sim sim, a fingir que acredito
Tim: --