Vem viver a realidade comigo.

Não passa de uma ilusãos, de estímulos cerebrais da imaginação.

Ainda pergunto, como é que sabemos que um rapaz gosta mesmo de nós?

Dúvida que me atormenta.

Um dia hei-de seguir o meu coração.



Espero por alguém, 

Que me compreenda

Enquanto não chegar

não tenho eu outra emenda.


Lágrimas corridas

Tempos perdidos

Sigo outro caminho,

Piso descalço

Pensamento deslocado

O que resta?


Não vou voltar atrás

Tenho que ir

Deixaste a tua  marca.


Longe de ti

mas perto no coração. Esquece lá isso não tens outra solução.


Sem comentários: